Fluidoterapia

A fluidoterapia consiste na aplicação de passes e água fluidificada, é a utilização dos fluidos com finalidade terapêutica.

    “Curai os enfermos” (Mateus, 10: 8)


A água fluidificada

A água fluidificada, é aquela que recebeu ação magnética (de encarnado) ou espiritual (de desencarnado) adquirindo propriedades especiais, de forma a beneficiar quem a utiliza.


O passe

a) Definição

    “O passe não é unicamente uma transfusão de energias anímicas. É o equilibrante ideal da mente, o apoio eficaz de todos os tratamentos.” (André Luiz, em “Opinião Espírita”)

    O passe, é uma emanação controlada da força mental que, sob a alavanca da vontade e da acção da prece, atrai a Força Divina em nosso benefício. (André Luíz, in “Evolução em Dois Mundos”)

Foi Jesus quem ensinou a pôr as mãos por cima dos doentes e necessitados e a orar por eles. É o que fazem os Benfeitores Espirituais que em seu nome, vão ajudar quem entra na sala do passe através da utilização do fluido vital, da força radiante do passista.


b) Objetivo

 A aplicação do passe destina-se a:

Sanear desarmonias físicas e psíquicas, substituindo os fluidos malsãos por fluidos benéficos;

 Equilibrar o funcionamento das células e tecidos lesados.


c) Fluidos

Fluido cósmico universal:

    “(…) matéria elementar primitiva, cujas modificações e transformações constituem a inumerável variedade dos corpos da Natureza.” (A Génese)

    Fluido vital:

    (…) também chamado de principio vital, é uma forma modificada do fluido cósmico universal. Ele é o elemento básico da vida.

    Fluidos espirituais:

    (…) fluidos emitidos pelos espíritos e característico do mundo espiritual, originados a partir do fluido cósmico universal .

    Lei fundamental dos fluidos:

    Fluidos do mesmo tipo atraem-se e fluidos de tipo oposto repelem-se.


d) A acção magnética pode produzir-se de modos diferentes:

    Pelo próprio fluido do magnetizador. É o magnetismo humano.

    Pelo fluido dos Espíritos agindo directamente sem intermediários. É o magnetismo espiritual.

    Pelos fluidos que os Espíritos despejam sobre o magnetizador e ao qual este serve de condutor. É o magnetismo misto. O fluido espiritual combina-se com o fluido humano.

    Equilibrar o funcionamento das células e tecidos lesados.


e) Como circulam as forças radiantes no doador:

    “No passe, estabelece-se uma ligação subtil entre o necessitado, o passista e, obviamente, a Espiritualidade, que vem em auxílio de ambos, tendo em vista a actividade construtiva baseada na prece, na fé, e no total desinteresse material.” (Dra. Marlene Nobre, in “O Passe como Cura Magnética”, cap. 21)

    “O pensamento influi de maneira decisiva, na doação dos princípios curadores. Sem a ideia iluminada da fé e pela boa vontade, o médium não conseguiria a ligação com os Espíritos amigos que actuam sobre essas bases.” (Nos domínios da mediunidade)

    A adesão da vontade do médium é fundamental para a aplicação do passe. pois para os Espíritos, o pensamento e a vontade são o que é a mão para o homem


f) Como circulam as forças radiantes no recetor:

    A partir da ligação mental com o mentor, o médium passa a irradiar chispas luminosas através das mãos, comunicando-as ao beneficiário, que as recebe por meio do halo vital ou aura da mesma maneira, isto é, primeiro na cabeça e depois onde tenha maior necessidade.  (Dra. Marlene Nobre, in “O Passe como Cura Magnética”, cap. 21)

    Ao toque da energia emanante do passe, com a supervisão dos benfeitores desencarnados, o próprio enfermo, na pauta da confiança e do merecimento de que dá testemunho, emite ondas mentais características, assimilando os recursos vitais que recebe e retendo-os na própria constituição fisiopsicossomática, através das várias funções do sangue.

    (…) O processo de socorro pelo passe é tanto mais eficiente quanto mais intensa se faça a adesão daquele que lhe recolhe os benefícios, de vez que a vontade do paciente, erguida ao limite máximo de aceitação, determina sobre si mesmo mais elevados potenciais de cura.(André Luíz, in “Mecanismos da Mediunidade”, cap. XXII)

    Portanto, quanto mais intensa for a adesão da vontade do receptor, maiores benefícios vai colher do passe.

    A melhoria dá-se, na medida em que se aceitar que há intervenção espiritual, porque passa a centralizar as próprias irradiações sobre as próprias células. Logo, a adesão da vontade do receptor é crucial, visto que todas as curas são,antes de mais, auto-curas.

    A energia chega a triliões de células do corpo físico, deixando nelas as suas características essenciais.


g) Conclusão:

    “Assim como a transfusão de sangue representa a renovação das forças físicas, o passe é uma transfusão de energias psíquicas, com a diferença de que os recursos orgânicos são retirados de um reservatório limitado, e os elementos psíquicos o são do reservatório ilimitado das forças espirituais.” (Emmanuel in “O Consolador”)


Associação Luz, Paz e Amor

Praceta Evaristo Silva, Bloco B, Cave nº13, Hilarião

2560-374 Torres Vedras

Telem.: 918326985 / 966794648